Bastidores

Adaptações de contos e peças nacionais ou internacionais, assinadas por diferentes roteiristas e diretores e interpretados por um elenco variado, com produção do núcleo Guel Arraes, que retomava a linha evolutiva dos Casos Especiais.

O programa ganhou o Grande Prêmio da Crítica de 2001 da APCA (Associação Paulista de Críticos de Arte).

Em dezembro de 2000 o Brava Gente estreou como especial de fim de ano, em oito episódios exibidos em quatro dias. A partir de março de 2001, passou a fazer parte da grade de programação da Globo, indo ao ar às terças-feiras, em episódios de 30 minutos de duração.

A marca registrada do programa era a diversidade de gêneros, assegurada pelo estilo de cada diretor. Jorge Fernando, por exemplo, lançou mão de sua experiência no humorístico Sai de Baixo e gravou cenas de comédia assistidas por uma platéia, em Um Edfício Chamado 200.

Kátia Lund e Fernando Meirelles filmaram em película Palace II, capítulo do livro Cidade de Deus, de Paulo Lins. O episódio, em clima de denúncia social, foi ampliado e ganhou versão para o cinema marcada pelo sucesso internacional, e um seriado na Globo: Cidade dos Homens.

Na segunda temporada do programa, que começou em março de 2001, a produção passou a ser dividida entre os núcleos Guel Arraes e Jayme Monjardim.

Profissionais e produtores de cinema e vídeo também participaram de alguns episódios, como Lira Paulistana, com direção de Cláudio Torres, da Conspiração Filmes, e Dia de Visita, com produção da Casa de Cinema, de Porto Alegre.

Prestando uma homenagem ao aniversário do dramaturgo Nelson Rodrigues, que se estivesse vivo completaria 90 anos na época, o Brava Gente exibiu nos dias 30 de julho, 6 e 13 de agosto de 2002, três episódios adaptados de contos seus: O Primeiro Pecado, Diabólica e Cachorro.

Entre 26/11 e 17/12/2002, o Brava Gente apresentou a série Pastores da Noite, baseada na obra de Jorge Amado. Dividida em quatro episódios, o programa fez parte da programação especial de fim de ano da Globo.

Brava Gente foi reprisada entre 2010 e 2011 no canal Viva (canal de TV por assinatura pertencente à Rede Globo).

Não confundir com o seriado Brava Gente produzido pelo SBT em 1996.

Globo
de 26 a 29 de dezembro de 2000
e a partir de 27 de março de 2001
53 episódios

série com histórias adaptadas de obras da literatura
núcleos Guel Arraes e Jayme Monjardim

2000
o santo e a porca – 26/12/2000
enquanto a noite não chega – 26/12/2000
meia encarnada dura de sangue – 26/12/2000
um edifício chamado 200 – 27/12/2000
um capricho – 28/12/2000
o casamento enganoso – 28/12/2000
palace II – 28/12/2000
o condomínio – 29/12/2000

2001
a coleira do cão – 27/03/2001
o tocador de tuba – 03/04/2001
a sonata – 10/04/2001
história de carnaval – 17/04/2001
alandelão de la patrie – 24/04/2001
a história do passarinho – 24/04/2001
o morto do encantado morre e pede passagem – 01/05/2001
o comprador de fazendas – 08/05/2001
armas e corações – 15/05/2001
embaixada do glicério – 22/05/2001
lira paulistana – 29/05/2001
o retorno de ulisses – 05/06/2001
boca de lixo – 05/06/2001
arioswaldo e sua mãe centenária – 12/06/2001
as aventuras de chico norato contra o boto vingativo – 19/06/2001
como matar um playboy – 26/06/2001
a bagaceira – 03/07/2001
dia de visita – 10/07/2001
a onça – 17/07/2001
a moda do chifre – 24/07/2001
a grã-fina de copacabana – 31/07/2001
as proezas do finado zacarias – 04/09/2001
o diabo ri por último – 11/09/2001
o automóvel – 18/09/2001
o crime imperfeito – 25/09/2001
um caso, uma loura – 02/10/2001
os mistérios do sexo – 09/10/2001
tarde da noite – 16/10/2001
bilac vê estrelas – 23/10/2001
arioswaldo e o casamento de sua mãe centenária – 30/10/2001
por que lulu bergantin não atravessou o rubicon – 06/11/2001
a quenga e o delegado – 13/11/2001
as aventuras de um barnabé ou quase ministro – 20/11/2001
a prosopopéia de bento teixeira – 27/11/2001
triângulo escaleno – 04/12/2001
francisco de assis – 11/12/2001
o natal de arioswaldo – 18/12/2001
o mistério do boi surubim – 25/12/2001

2002
a cabine – 09/04/2002
a hora errada – 16/04/2002
cremilda e o fantasma – 23/04/2002
a cidade que o diabo esqueceu – 30/04/2002
loucos de pedra – 07/05/2002
o primeiro pecado – 30/07/2002
diabólica – 06/08/2002
cachorro – 13/08/2002
o enterro da cafetina – 22/10/2002
ana neri, a mãe dos brasileiros – 29/10/2002
a casa errada – 05/11/2002
arioswaldo e o lobisomen – 12/11/2002
entre o céu e a terra – 19/11/2002
pastores da noite – de 26/11 a 17/12/2002
anjo não chora – 24/12/2002

2003
como educar seus pais – 15/04/2003
o dia do amor – 22/04/2003

Veja também

  • apocalipse

Apocalipse

  • ooutrolado

O Outro Lado do Paraíso

  • tempodeamar

Tempo de Amar

  • belaventura2

Belaventura