Sinopse

O ano letivo já começou e os alunos do terceiro ano da Escola Mundial estão sem aulas. A última professora substituta desistiu dos alunos devido ao estresse que passava todos os dias. É quando entra em cena a doce Helena, para assumir o cargo de professora efetiva. Helena traz consigo toda sua jovialidade, o desejo de lecionar e a disposição de propiciar aos alunos uma boa formação. Ela é a primeira e a única a conquistar todas as crianças do terceiro ano, batendo de frente com as regras e exigências da impetuosa e rigorosa diretora do colégio, Dona Olívia.

Helena está sempre disposta a colaborar com todos, não só conquista a confiança dos alunos, como também acaba se envolvendo com os conflitos pessoais e familiares. Ela passa a ser, além de uma professora, uma grande amiga e conselheira. Helena encontra no velho Firmino, o zelador da escola, um fiel amigo. Os dois agem como conciliadores nos conflitos provocados pela autoritária Olívia, que não gosta da tolerância excessiva da professora com relação aos alunos. Firmino conhece todos os alunos e funcionários da escola e sabe lidar com cada um deles, até mesmo, com Dona Matilde, a exagerada professora de música, que sempre sofre com as travessuras das crianças e está sempre estressada. Quando Helena fica doente, a professora Suzana chega para substituí-la e acaba cativando também o coração das criança. Suzana quer o posto de Helena. A professora Matilde, enlouquecida, deixa a escola e é substituída por Renê, que forma uma banda com os alunos do terceiro ano e tem um romance com Helena.

O dia a dia das crianças, abordando conflitos reais e atuais: o menino que não fez a lição de casa, a menina que tem dificuldade de se enturmar na classe, o garoto frágil espezinhado pelo grandalhão na hora do recreio e todos os tipos de bullying sofridos na escola e na infância.

SBT – 20h30
de 21 de maio de 2012 a 26 de julho de 2013
310 capítulos

adaptação de Íris Abravanel
baseada na adaptação de Lei Quintana e Valeria Phillips a partir do original de Abel Santa Cruz
supervisão de texto de Rita Valente
colaboração de Carlos Marques, Fany Lima, Grace Iwashita, Gustavo Braga e Marcela Arantes
direção de Luiz Antônio Piá, Roberto Menezes e Paulo Soares
direção geral de Reynaldo Boury

Novela anterior no horário
Corações Feridos

Novela posterior
Chiquititas

ROSANNE MULHOLLAND – Professora Helena Fernandes

as crianças
KONSTANTINO ATANASSOPOLUS – Adriano Ramos
FERNANDA CONCON – Alícia Gusman
VITÓRIA DINIZ – Bibi Smith
STEFANY VAZ – Carmem Carrilho
JEAN PAULO CAMPOS – Cirilo Rivera
THOMAZ COSTA – Daniel Zapata
GUILHERME SETA – Davi Rabinovich
NICHOLAS TORRES – Jaime Palillo
LÉO BELMONTE – Jorge Cavalieri
MATHEUS UETA – Kokimoto Mishima
AYSHA BENELLI – Laura Gianolli
LARISSA MANOELA – Maria Joaquina Medsen
ANNA VICTÓRIA ZIMMERMANN – Marcelina Guerra
GUSTAVO DANELUZ – Mário Ayala
LUCAS SANTOS – Paulo Guerra
MAISA SILVA – Valéria Ferreira

elenco adulto
GUSTAVO WABNER – Renê
FERNANDO BENINI – Firmino Gonçalves
NOEMI GERBELLI – Olívia
LÍVIA ANDRADE – Suzana
ILANA KAPLAN – Matilde
MÁRCIA DE OLIVEIRA – Graça
KIANE PORFÍRIO – Clementina
CARLINHOS DE AGUIAR – Jurandir de Souza
CRIS BONNA – Cristina Fernandes
CLARISSA DREBTCHINSKY – Joana
ITHAMAR LEMBO – Germano Ayala
NÁBIA VILELA – Natália Ayala
Diana Ayala
HENRIQUE STROETER – Rafael Palillo
IVANA DOMÊNICO – Heloísa Palillo
RENAN CUÍSSE – Jonas Palillo
FÁBIO DI MARTINO – Miguel Medsen
ADRIANA DEL CLARO – Clara Medsen
MARCELO BATISTA – José Rivera
ADRIANA ALVES – Paula Rivera
DANIEL SATIXE – Frederico Carrilho
RENATA AIROLDI – Inês Carrilho
Dudu Carrilho
MARCELO CUNHA – Ricardo Ferreira
GABI SARAIVA – Rosa Ferreira
FÁBIO DIAS – Roberto Guerra
ANA VICTÓRIA ZIMMERMANN – Marcelina Guerra
CAMILA RAFFANTI – Lílian Guerra
BRUNO PERILLO – Isaac Rabinovich
PATRÍCIA PICHAMONE – Rebeca Rabinovich
LÍLIAN BLANC – Dona Sara
PEDRO OSÓRIO – Alberto Cavalieri
SILVIA MENABÓ – Rosana Cavalieri
PAULO GANDOLFI – Valentim Zapata
ORNELLAS – Mordomo Jean
e
DÉO GARCEZ – Marcos
FÁBIO VILLA VERDE
GLAUCE GRAIEB
AMÉLIA BITTENCOURT
NORMA BLUMM
HENRIQUE MARTINS
PATRÍCIA MAYO
ARIEL MOSHE

Remake da versão mexicana (Carrusel) adaptada por Lei Quintana e Valeria Phillips a partir do original argentino de Abel Santacruz. O original argentino é dos anos 60 e a versão mexicana foi produzida em 1989 e fez muito sucesso no Brasil, quando apresentada pelo SBT entre 1991 e 1992, com a atriz Gabriela Rivero como a Professora Helena.

A ideia de fazer a adaptação de Carrossel partiu de Daniela Beyruti, diretora artística do SBT, filha de Íris Abravanel, a responsável pela adaptação.
“Ela guardava na lembrança os bons momentos em que nossa família reunida assistia Carrossel. Partiu dela o desejo de propiciar esta união entre pais, que naquela época eram crianças, com seus filhos”, revelou Íris.
“A narrativa está bastante fiel à original. Porém, colocamos mais romance e rivalidade no núcleo de professores, sempre de uma forma divertida”.

Carrossel tornou-se um fenômeno de audiência para os padrões do SBT (sempre acima dos 10 pontos no Ibope) – nem mesmo esperado pela emissora -, que a colocou em segundo lugar em audiência no horário nobre, desbancando a Record.
A novela infantil emplacou 13,4 pontos de audiência média em agosto de 2012 (cada ponto correspondia a 60.000 domicílios na Grande São Paulo), mais que o dobro da antecessora, Corações Feridos, com 5,6. Até o Programa Silvio Santos, tradicional carro-chefe do SBT, ficou para trás na época, com 10,5.
Esta repercussão refletia a carência de programação infantil no horário nobre da TV aberta brasileira. A novela conseguiu atrair um público que estava nos canais pagos ou até mesmo longe da televisão.

O SBT não teve dúvida e, após o êxito de Carrossel, continuou investindo em remakes de tramas infantis de sucesso, com a volta de Chiquititas, em uma nova versão.

Para a escalação do elenco mirim, cinco mil crianças entre 7 e 9 anos se cadastraram para seis fases de testes de atuação, onde contracenavam como se estivessem em uma gravação, improvisando as falas e as ações dos personagens. As crianças passavam cerca de uma hora sendo avaliados e, a cada fase, alguns iam sendo eliminados enquanto outros progrediam. Durante um período, os testes foram feitos no programa dominical Domingo Legal, onde uma sala de aula foi montada e os candidatos fizeram algumas cenas, dirigidas por Del Rangel (primeiro diretor da novela).

Para o bem-estar do elenco mirim, as crianças gravavam aproximadamente cinco horas por dia e o SBT contratou uma equipe de profissionais especializados para acompanhar o dia a dia delas. Pedagoga, fonoaudióloga, psicóloga, pediatra e uma nutricionista estabeleceram um diálogo diário com o elenco mirim e seus pais.

Para ajudar a controlar os ânimos da turminha de atores, o SBT contou com uma profissional que acompanhava o comportamento de cada “aluno”. Ela produziu uma espécie de boletim, em que eram avaliados itens como atenção, obediência e respeito à autoridade, entre outros.
“Faço anotações diárias e depois entrego o relatório mensal a todos eles, enfatizando os pontos em que precisam melhorar”, afirmou a psicóloga Rosa Maria Naccarato Szwarcberg.

Os problemas de administração do grupo eram agravados pelo fato de as crianças só poderem trabalhar por seis horas diárias (14h às 20h, nesse caso), segundo acordo firmado com o Conselho Tutelar. Isso fez com que a equipe gravasse meio capítulo por jornada, metade do que é recomendado para novelas. O resultado foi um déficit permanente: na época da estreia, a produção tinha seis meses de episódios prontos; com o passar do tempo este número foi reduzindo para menos da metade.

As cenas de Carrossel eram gravadas nos estúdios 7 e 8 e também na cidade cenográfica do CDT Anhanguera. A construção dos cenários da Escola Mundial foi inspirada nas obras do arquiteto Lelé, compostas por linhas e cores primárias, e faziam referência ao universo infantil.
“Fizemos pesquisas em escolas como Colégio Renascença, Colégio Oshiman e colégios públicos para conhecer a linha pedagógica e entender como funciona a mecânica do espaço infantil”, contou Paula Utimura, diretora de arte.

Para criar os uniformes, Cris Rose e Jeane Figueiredo, diretoras de figurino, pesquisaram o universo das histórias em quadrinhos e também os uniformes usados em escolas de diferentes países. A ideia era que os uniformes fujissem do tradicional usado nas escolas comuns. O intuito era de que as crianças adotassem o uniforme como uma fantasia para mergulhar no ambiente da Escola Mundial. Os uniformes eram iguais, mas o uso de acessórios criava uma forte identidade para cada personagem: o esportista, a romântica, a descolada, o tímido, o espoleta, etc. Por exemplo: a tiara com as cores do arco-íris usada por Valéria (Maísa Silva) fez sucesso entre as meninas e vendeu muito.

Além da audiência, o sucesso de Carrossel também pôde ser medido pela venda de publicidade e no lançamento de centenas de produtos licenciados.
Chegaram às bancas o álbum de figurinhas da novela. A fábrica de brinquedos Estrela lançou no mercado os bonecos dos personagens Cirilo, Maria Joaquina, Valéria e Carmem.
A empresa de chocolate Cacau Show espalhou seis bilhetes dourados em um lote de 200.000 tabletes de chocolate, a 4,50 reais cada um. Os cupons davam direito a uma visita à linha de produção da indústria e às gravações da novela, nos moldes da trama do clássico filme A Fantástica Fábrica de Chocolate (1971).
O produto sumiu das lojas em vinte dias, o que acabou rendendo uma encrenca com o Procon, que ordenou a retirada do comercial de televisão do ar.

A área musical lucrou da mesma forma com a trama, com o lançamento de CDs com a trilha sonora e DVDs com clipes musicais dos personagens.

Com acesso à informática, os alunos da Escola Mundial vivenciavam as vantagens e desvantagens do uso abusivo de toda essa parafernália da era digital.
“O universo tecnológico das crianças hoje é infinitamente maior do que há vinte anos. Hoje elas usam celulares e toda parafernália eletrônica. As aulas estão mais interativas do que na antiga Escola Mundial.”

Durante o período de pré-produção da novela, problemas com o então diretor Del Rangel (de Corações Feridos) o afastaram da produção. O diretor foi substituído por Reynaldo Boury (de Amor e Revolução).

Com o sucesso da “pegadinha da Menina Fantasma” (a que aparecia no elevador), no programa Silvio Santos, a intéprete da personagem, Anna Livya Padilha, fez uma participação especial na novela, em que assustava alguns personagens.

O craque de futebol Neymar fez uma participação na novela em março de 2013, como o técnico de futebol da Escola Mundial. As cenas foram gravadas na Vila Belmiro, em Santos.

O blogueiro David Denis Lobão destacou sobre a novela em seu blog Cultureba:
“Os méritos de Carrossel se destacaram na reta final da trama com novidades inteligentes, como Maria Joaquina participar da corrida de carros entre Jorge e Cirilo com uma referência ao Corredor X do clássico desenho japonês Speed Racer, um presente para os pais que assistem a novelinha ao lado dos filhotes. Outros clássicos como A Fantástica Fábrica de Chocolate também fora citados no decorrer de um ano de exibição.”

O último capítulo contou com a participação do maestro Júlio Medaglia, que regeu a Orquestra Sinfônica de Jovens, enquanto o elenco mirim cantou a música-tema da novela. Algumas cenas foram gravadas no circo Tihany, localizado no bairro da Barra Funda, em São Paulo.

Jean Paulo Campos (o Cirilo) foi premiado com o Troféu Imprensa de revelação de 2012 na televisão.

Para não deixar os fãs da trama órfãos, o SBT passou a exibir a partir do dia 29/07/2013, às 18h20, o Clube do Carrossel, com brincadeiras, prêmios e exibição de desenhos animados. A atração era apresentada pelos personagens Valéria (Maisa Silva), Cirilo (Jean Paulo Campos), Marcelina (Vitória Zimmerman) e Kokimoto (Matheus Ueta).

O elenco da novela também estreou a turnê Carrossel, o Show, que começou em 13/07/2013, no Rio de Janeiro e viajou por outras cidades no Brasil.

Carrossel retornou logo depois de seu término. A partir de 02/09/2013, o SBT começou a reprise da novela, às 18 horas. No entanto, a reexibição foi suspensa após 15 capítulos exibidos (em 20/09) por baixa audiência.

Em 16/03/2015, começou uma nova reprise, às 21h15, batendo de frente com a estreia da nova novela de Gilberto Braga na Globo, Babilônia.

Em 11/01/2014 (sábado), estreou Patrulha Salvadora, série infantil spin-off de Carrossel, com parte do mesmo elenco infantil da novela.

Além da série, a novela ainda rendeu um filme e um desenho animado.
Em 23/07/2015, estreou nos cinemas brasileiros Carrossel, o filme, dirigido por Alexandre Boury e Maurício Eça. Não era apenas uma compilação da novela para o cinema, mas uma nova produção, com roteiro para cinema. Detalhe: a professora Helena não participou do filme, porque a sua intérprete, Rosanne Mulholland, havia assinado contrato com a Globo.

Carrossel, o desenho, um projeto idealizado pelo próprio SBT, produzido pela Super Toons, estreou em 04/01/2016, às 21h15, após Cúmplices de um Resgate e antes da reprise de Carrossel, a novela. A animação teve 26 episódios de 11 minutos cada, exibidos durante o mês de janeiro de 2016, e era dublado pelos próprios atores da novela, como Larissa Manoela, Jean Paulo Campos e outros.

Trilha Sonora 1

carrosselt1
01. CARRO-CÉU – Priscilla e Yudi
02. FICO ASSIM SEM VOCÊ – Roberta Tiepo
03. PEQUENO CIDADÃO – Pequeno Cidadão
04. CARROSSEL – Crianças
05. AO MESTRE COM CARINHO (TO SIR WITH LOVE) – Eliana
06. MATEMÁTICA – Restart
07. BEIJO, BEIJINHO, BEIJÃO – Larissa Manoela
08. MEXE MEXE – Crianças
09. AQUARELA – Toquinho
10. AMIGUINHO – Crianças
11. MUDAR GERAL – Crianças
12. VARINHA DE CONDÃO – Maísa
13. CIRANDA DA BAILARINA – Priscilla
14. O CADERNO – Chico Buarque
15. QUEM QUISER SONHAR – Maria Diniz e Crianças
16. ESPELHO – Patricia Marx
17. ADOLESCENTE – Crianças
18. SONHOS PARA QUEM QUISER – Simoni

Trilha Sonora 2

carrosselt2
01. CARRO-CÉU (Party Mix) – Priscilla Alcântara & Yudi
02. NÃO É PROIBIDO – Marisa Monte
03. PERAÍ – Jean Paulo Campos (tema de Cirilo)
04. SOLTA OU AGARRA – Coro Carrossel
05. A BANDA – Turma Do Carrossel
06. ROCK DAS LANCHONETES – Nicholas Torres (tema de Jaime)
07. BOM DIA – Larissa Manoela (tema de Maria Joaquina)
08. BOM BOM BOM – Coro Carrossel
09. NÃO FAZ MAL (TÔ CARENTE MAS EU TÔ LEGAL) – Aysha Benelli & Stefany Vaz
10. DIG DIM – MC Jenny
11. PERTINHO DE MIM – Maisa Silva
12. O SOL E A LUA – Pequeno Cidadão
13. VARINHA DE CONDÃO – Thaís Nascimento & Edu Camargo
14. TODO MUNDO – Maria Diniz
15. RABITO – Nina (tema de Rabito)
16. MINHA CURIOSIDADE – Priscilla Alcântara
17. AQUECIMENTO – Teddy Texas (tema de Graça)
18. DANÇANDO – Agridoce (tema de Suzana)
19. SE ENAMORA – Roberta Tiepo
20. A BAILARINA – Lucinha Lins
21. DOZE COISINHAS À TOA QUE NOS FAZEM FELIZES – Fortuna
22. CARRO-CÉU – On Shore
23. FICO ASSIM SEM VOCÊ (Remix) – Roberta Tiepo

Trilha Sonora 3

carrosselt3
01. CARRO-CÉU – Priscilla Alcântara & Yudi
02. PERAÍ – Jean Paulo Campos
03. A BANDA – Turma do Carrossel
04. MEXE MEXE – Crianças
05. BEIJO, BEIJINHO, BEIJÃO – Larissa Manoela
06. CARROSSEL – Crianças
07. CIRANDA DA BAILARINA – Priscilla
08. ROCK DAS LANCHONETES – Nicholas Torres
09. NÃO FAZ MAL (TÔ CARENTE MAS EU TÔ LEGAL) – Aysha Benelli & Stefany Vaz
10. AO MESTRE COM CARINHO (TO SIR WITH LOVE) – Eliana
11. TIC TAC – Roberta Tiepo
12. TODO MUNDO – Rosanne Mulholland
13. SONHOS PARA QUEM QUISER – Simony
14. BRINCADEIRA DE CRIANÇA – Coro Carrossel
15. DIG DIM – MC Jenny
16. Livia Andrade – Deixa Comigo

Trilha Sonora 4: Carrossel Karaokê

carrosselt4
01. CARRO-CÉU
02. MEXE MEXE
03. MUDAR GERAL
04. CARROSSEL
05. BEIJO, BEIJINHO, BEIJÃO
06. VARINHA DE CONDÃO
07. PERAÍ
08. QUEM QUISER SONHAR
09. AMIGUINHO
10. SONHOS PARA QUEM QUISER
11. NÃO FAZ MAL (TÔ CARENTE MAS EU TÔ LEGAL)
12. ROCK DAS LANCHONETES
13. DIGIDIN
14. FICO ASSIM SEM VOCÊ

Tema de Abertura: CARRO-CÉU – Priscila Alcântara e Yudi Tamashiro

Entre duendes e fadas
A terra encantada
Espera por nós
Abra o seu coração
Na mesma canção
Em uma só voz

Entra, vem no picadeiro
Pintar essa cara
Com tinta e pó
Deixe a criança escondida
Esquecida, esquecer
Que ela é avó

Embarque nesse carrossel
Onde o mundo faz de conta
A terra é quase o céu…

No nosso circo maluco
Você é de tudo
Até super herói
Você é a roda-gigante
O anão, elefante
O índio, cowboy

Venha, não perca o seu tempo
Que até a idade
Se pode escolher
Venha ser uma criança
Girar nessa dança
Ser o que quiser

Embarque nesse carrossel
Onde o mundo faz de conta
A terra é quase o céu…

Veja também

  • carinhadeanjo

Carinha de Anjo

  • cumplicesdeumresgate

Cúmplices de um Resgate

  • chiquititas2013_logo

Chiquititas (2013)

  • patrulhasalvadora_logo

Patrulha Salvadora